sábado, 11 de abril de 2009

Gravidez



Momento mágico

Os hormônios representam um papel central na gestação. Secretados até pela placenta, o estrógeno e a progesterona em alta garantem que ela será segura e feliz. Por isso, temos que perdoar alguns efeitos colaterais dessas taxas elevadas.
No organismo da gestante, a ebulição hormonal tem efeitos curiosos. As glândulas sebáceas passam a trabalhar dobrado, daí o aparecimento ou agravamento da acne. A sensibilidade ao sol também aumenta, o que favorece todo tipo de mancha. E o organismo retém líquido, algo que, aliado ao aumento de peso dessa fase, faz a celulite se manifestar com força total.
Sou suspeita, porque acredito que esse é um dos momentos altos da vida da mulher. E, portanto, acho que nós devemos acolher essas e outras transformações com calma e serenidade. Não estou aconselhando as grávidas a descuidarem de seu corpo! Algumas atitudes em prol da saúde da pele e da beleza precisam até mesmo ser incentivas. Mas outras devem ser deixadas de lado por um tempo – e, sem drama, porque tudo passa. Só com essa aceitação é que podemos vivenciar a gravidez como a experiência gratificante e única que ela realmente é.
Selecionei as dúvidas mais freqüentes que as pacientes trazem ao meu consultório quando sabem que estão grávidas ou quando estão amamentando.

Posso continuar usando meus cremes rejuvenescedores?
Sim, desde que sejam formulados com vitamina C, retinol, elastina, alfahidroxiácidos ou ácido glicólico. Abandone os cremes e as loções com ácido retinóico, assim como qualquer tratamento isotretinoína, porque essas substâncias provocam malformações fetais – aliás, o correto mesmo é suspendê-las ao planejar um bebê.

É possível fazer peelings na gravidez?
Sim, mas só os de ácido salicílico ou glicólico. Eles são ótimos para reduzir a oleosidade, secar espinhas ou clarear manchas superficiais e não são absorvidos pelo organismo a ponto de afetar a criança.

Você aplicaria toxina botulínica nas minhas rugas de expressão?
De jeito nenhum! Apesar de, aparentemente, a substância agir apenas no músculo onde foi injetado, o consenso mundial é de que não deve ser usada em grávidas nem em mulheres que estão amamentando por questão de segurança.

E preencher rugas, isso é permito?
Não é aconselhável. Até porque é preciso ter bom senso: na gravidez, a retenção de líquidos e o aumento de peso podem mudar algumas expressões e marcas faciais. Eu prefiro esperar que minhas pacientes tenham bebê e voltem ao peso normal.

Como prevenir o surgimento de manchas?
A resposta é fácil: fugindo do sol e usando um protetor com FPS 30 diariamente nas áreas expostas. Cerca de 80% das gestantes, por causa da fotossensibilidade provocada pelos seus hormônios, apresentam o que nós chamamos de melasmas – manchas amarronzadas, que aparecem nos dois lados do rosto, especialmente nas bochechas, no queixo e naquela área entre os lábios e o nariz. Para amenizá-las, nós podemos indicar peelings superficiais com ácido glicólico ou com alfahidroxiácidos. Os tratamentos com substâncias despigmentantes, como hidroquinona e ácido kójico, só podem ser realizado depois da fase de amamentação.

Meu cabelo parecia mais forte durante a gravidez. Em compensação, caiu bastante depois do parto. Isso é normal?
É muito comum. Durante a gestação, a progesterona em alta pode diminuir a queda natural dos fios – nós perdemos cerca de 100 deles por dia! – e, muitas vezes, deixa os cabelos mais volumosos. Mas, uns três meses depois do parto, quase 40% das estruturas que formam os fios, as matrizes do cabelo, entram em fase de repouso, o que ocasiona uma queda intensa. Na maioria das vezes, ela pára normalmente.

Posso tingir o cabelo?
Ah, esta é uma dúvida muito comum! Não há comprovação de que as substâncias químicas usadas nas colorações causem problemas ao feto. No entanto, por cautela, não aconselho tinturas permanentes, de longa duração. Depois do terceiro mês, a grávida pode usar henna ou tonalizantes, que saem nas lavagens. Mas, mesmo assim, ela não deve aplicá-los na raiz.

E fazer alisamento, escova progressiva, permanente…?

É tudo questão de bom senso – e da opinião do obstetra. Muitos acreditam que, depois do quinto mês a gestante pode submeter os fios a alguns processos químicos. Se quiser minha opinião, ainda assim não se deve repetir esses procedimentos todos os meses.

Dá para amenizar a celulite?
Dá, com a ajuda da drenagem linfática manual. Mas ela só é indicada a partir do terceiro mês de gravidez, quando a placenta já está bem formada. Esqueça os tratamentos como mesoterapia, que injetam medicamentos, e todos os aparelhos que utilizam correntes elétricas. Também deixe de lado o creme anticelulite que, além de conter substâncias redutoras na fórmula, pode criar aquele efeito de “esquenta-e-esfria” que não é desejável nessa fase.

Devo interromper as sessões drenagem linfática no final da gestação?
Pelo contrário, nessa fase o tratamento é mais indicado do que nunca. A drenagem vai ajudá-la a controlar o inchaço, as dores nas costas e a sensação de peso, comuns nessa reta final.

Por que a gravidez pode provocar varizes?
Porque, ao aumentar de tamanho para abrigar o feto, o útero, comprime algumas veias. Para evitar que se transformem em varizes, faça exercícios leves, como hidroginástica, deite-se para repousar com as pernas mais elevadas em relação ao tronco duas ou três vezes ao dia e adote meias elásticas.

Estava fazendo sessões de depilação a laser quando descobri que estava grávida. E agora?
Nenhum tratamento a laser é aconselhável na gestação, portanto cancele as sessões. Mas não se atormente se já fez algumas, sem saber da gravidez. Não há evidencias de que o laser prejudique o feto. A proibição é mais por cautela, já que faltam testes em grávidas.

Faz mal clarear os pêlos do corpo?
Não, mas durante a gravidez a mulher está mais sujeita a alergias. Mesmo que já estivesse habituada ao clareamento, isso pode acontecer. Portanto, ela precisa testar o descolorante no antebraço, esperando 24 horas para ver se o local não fica irritado. E, em minha opinião, clarear os pêlos no máximo uma vez por mês.

Posso retirar pintas do corpo nesse período?
Toda pinta diferente merece ser examinada pelo dermatologista. Se ele avaliar que ela não é suspeita, melhor esperar o bebê nascer. Isso porque, nessa fase, qualquer interferência maior na pele pode desencadear inflamações.

Como prevenir as benditas estrias?
Não engordar muito já é um ótimo começo, porque evita que a pele distenda demais. Além disso, toda grávida deve preparar um verdadeiro estoque de cremes e óleos hidratantes, dando preferência aos formulados com uréia, óleo de amêndoas ou de sementes de uva. O arsenal é para, na hora do banho, besuntar as áreas mais propensas – quadris, abdômen e seios.

As estrias apareceram. E agora?
Se elas forem vermelhinhas, reforce a hidratação: aplique creme mais vezes ao dia; no banho, use tanto o óleo umectante quando na água quanto loção emoliente depois de enxugar o corpo; finalmente, beba mais água. Todo esse esforço continua sendo válido se as estrias já estão esbranquiçadas – mas aí o objetivo é impedir o aparecimento de novas marcas. As estrias brancas precisam aguardar o nascimento do bebê para serem tratadas com ácidos, peelings e laser.

O que fazer quando a amamentação racha o bico dos seios?
O melhor é aplicar compressas de chá de camomila e de aloe vera no local. Também é bom passar um pouco do próprio leite na região machucada. Todos são excelentes cicatrizantes e, claro não faz mal ao bebê.
> Na gravidez, é obrigatório beber muita água e não descuidar da limpeza da pele com sabonete neutro. Loções adstringentes ajudam a controlar a oleosidade no rosto.
> O filtro solar é mais necessário do que nunca. As grávidas só deveriam pisar para fora de casa com ele, mesmo que esteja caindo à maior chuva.
> Quando os cabelos ficam muito, muito ralos depois do parto, o dermatologista pode prescrever loções e xampus específicos que logo fortalecem os fios.
> As meias elásticas, além de prevenirem varizes, ajudam a evitar estrias.
> O certo é passar o hidratante contra estrias nos seios, mas nunca sobre os mamilos. É que eles, ao contrário, precisam ficar ressecados para não sofrerem depois, na amamentação.
> A partir do terceiro mês, a gestante deve aproveitar o banho para esfregar suavemente uma bucha nos mamilos. Assim, aos poucos a pele engrossa e ganha resistência. Se possível, ela também deve expor os bicos dos seios ao sol, todos os dias, por 15 minutos.

Por dra Adriana Vilarino, dermatologista.




Tratamentos Estéticos no Pós-Parto

Após nove meses de expectativas, eis que surge o grande dia! A chegada do bebê.

Esse momento é cercado de sentimentos antagônicos onde alegria e angústias podem alternar-se várias vezes ao longo de um dia. Tudo isso se deve a inúmeros questionamentos em relação ao bem estar do bebê e a insegurança quanto a capacidade de suprir todas as suas necessidades.

Esse período é delicado e deve ser tratado com muita cautela e observação, por parte da família e dos profissionais que irão lidar com a puérpera (parturiente).

A incidência de depressão pós-parto ocorre em 15% das parturientes e os sintomas podem ser os mesmos dos considerados normais, o que vai diferenciar é a intensidade e o tempo de duração, além de outros que não são considerados normais e nem tão comuns, entre esses sintomas temos: mudanças de humor, ansiedade, desânimo, irritabilidade, isolamento, rejeição do bebê e até agressividade.

Para que possamos realizar os procedimentos estéticos pós-parto é importante que a cliente esteja bem psicologicamente, qualquer indicio de depressão pós-parto o médico deverá ser comunicado para que providências sejam tomadas.

Mas passado o primeiro impacto às mudanças ocorridas no corpo começam também a causar inseguranças e questionamentos.

Será que minha pele vai ficar manchada?

Meu abdome vai voltar ao normal?

E as estrias?

Geralmente, após um mês do nascimento os tratamentos podem ser iniciados, mas há casos onde o encaminhamento pode ocorrer a partir dos quinze ou vinte dias.

Nas matérias anteriores vimos as alterações fisiológicas na gravidez (edição nº 47) e os procedimentos estéticos no pré-natal (edição nº 48), além das alterações inestéticas ocorridas no corpo devido ao aumento do abdome, aumento da quantidade de hormônios circulantes e problemas circulatórios.

Próximo ao parto alguns hormônios como ocitoxinas e prostaglandinas entram em atividade para que toda a musculatura uterina se contraia e o feto seja expulso, esse processo é mais evidente nos partos normais e perdura alguns dias após o nascimento e, nesse caso, também é percebido mesmo nos partos cesáreos, pois no momento da amamentação ocorrem leves contrações. Essas contrações ajudam a eliminar resíduos do parto e, por conseguinte, contribuem para diminuir o útero.

Portanto é importante estimular o aleitamento materno não só por todos os importantes benefícios para a saúde orgânica e psicológica do bebê, mas por ser uma maneira considerável de reduzir o volume abdominal da parturiente.

Outro fator importante a ser considerado é em relação ao tempo dos tratamentos, que devem ser os mais restritos possíveis, para que o período de ausência do lar não interfira no bem estar do bebê.

Os mesmos cuidados em relação à concentração de ativos e de óleos essenciais citados nos tratamentos durante o pré-natal valerão para os tratamentos pós-parto, enquanto a cliente estiver amamentando.

Todas as terapias alternativas são perfeitas para os procedimentos pós-parto, onde o desconforto físico e mental ocasionados pelas tensões e noites mal dormidas, serão amenizadas por esses tratamentos.

Principais Alterações Pós-Parto:

Aumento do Volume Abdominal: Principalmente depois do terceiro trimestre da gravidez, tanto a pele e a musculatura abdominal sofrem um grande aumento em sua superfície, devido ao aumento do volume uterino, após o parto um volume relativo persiste;

Hipotonia: Devido ao esvaziamento uterino, a pele e os músculos abdominais apresentam flacidez;

Estrias: Quando ocorrem, ficam mais evidentes após o parto;

Diástase do Reto-Abdominal: O aumento do volume uterino, pode ocasionar o afastamento do conjunto de músculos abdominais pelo rompimento das fibras aponeuróticas que formam a linha alba; esse músculo tem entre outras funções, manter os órgãos da cavidade abdominal em suas devidas localizações, esse afastamento dificulta os tratamentos para redução do volume abdominal e pode, no futuro, ocasionar o aparecimento de hérnias;

Cicatrização no Caso de Cesáreas: Cicatrizes hipertróficas, quelóidianas, fibroses e aderências podem ocorrer;

Manchas: Tema largamente comentado na edição anterior e que após o parto podem regredir totalmente ou parcialmente;

Acne: Podem persistir após alguns meses após o parto;

Eflúvio Telógeno: Após o término da gravidez é comum ocorrer uma acentuada queda capilar devido à diminuição hormonal, que cessará após um período de três a seis meses. Durante a gestação, ocorre uma maior intensidade na fase anágena (fase de crescimento), devido ao maior fluxo sanguíneo e ao aumento de estrógenos durante toda a gestação.

Tratamentos Utilizados no Pós-Parto :

DLM: Remoção de edemas, toxinas e hormônios circulantes;

Estimulação Russa: Tonifica a musculatura abdominal;

Enfaixamento Compressivo: Essa técnica ajuda na compressão do tecido e da musculatura abdominal e, se utilizada respeitando a anatomia e fisiologia do sistema linfático, irá favorecer a drenagem;

Ultra-Som: No modo contínuo irá promover a lipólise da gordura devido ao efeito tixotrópico, que promove movimento e calor na hipoderme; pode-se ainda realizar a fonoforese com o uso de géis com ativos vasomotores e lipolíticos; Massagem: Com o objetivo de promover uma melhora na circulação e incorporação de ativos;

Manobras de Cyriax: Para melhora da cicatrização e retirada de fibroses ou aderências, consistem em fricções retas, transversais ou circulares com a polpa dos dedos, utilizando uma pressão média ou profunda, pode-se usar nesses casos cremes que agilizarão a cicatrização ou apenas para facilitar o deslizamento;

Mantas Térmicas de Infra-Longo: Irão promover um gasto calórico, através da sudorese na busca da homeostasia para manter a temperatura corporal; pode ser aplicada com argiloterapia e faixas com sais enzimáticos, que auxiliam na lipólise da gordura e na ativação do metabolismo;

Crioterapia: Idêntico à utilização das mantas térmicas; solicita um gasto calórico, através de contrações musculares que promoverão a horripilação dos pêlos do corpo, na busca da homeostasia para manter a temperatura corporal. Essa técnica pode ser empregada com géis ou líquidos crioterápicos em bandagens; não envolver as áreas tratadas com plásticos ou outros recursos, essa técnica é mais eficiente quando toda área tratada recebe ventilação, para isso a cliente deve ser mantida em pé;

OBS: Alguns procedimentos como DLM, estimulação russa e manta térmica, não deverão ser utilizados, caso a cliente ainda apresente sangramento uterino. Não utilizar a endermoterapia antes de um ano do parto.

Estrias: Só deve ser iniciado após seis meses, principalmente após o desmame; todas as técnicas podem ser utilizadas.

Acne e Manchas: Estão liberadas todas as técnicas utilizadas para esses tratamentos, lembrando apenas da restrição para os ativos, enquanto ocorrer à amamentação;

Acupuntura: Essa técnica tem se mostrado bastante eficaz nos casos de acne e se utiliza do sistema imunológico para promover a melhora do quadro acneico; pode-se associar a DLM.

Comprovação e Eficácia:

Cliente encaminhada com vinte dias após o parto, se submeteu ao tratamento no abdome. Foram realizadas dez aplicações, duas vezes por semana, com as seguintes técnicas: DLM, ultra-som, estimulação russa, massagem e enfaixamento compressivo.

64 comentários:

Anônimo disse...

Ana,
moro muito longe de vc e queria saber sou muito magrinha e tive bebe agora, fiquei com uma barriguinha pouca coisa mais não quero.
Meu bebe tem 30 dias e 2 semanas queria fazer correne russa posso? Ah! Estou amamentando.
Irah Brandão

Ana Flávia Oliveira on 1 de setembro de 2010 19:21 disse...

Olá Boa Tarde Irah!
Sim. Você já pode começar a corrente russa. Desde que você esteja em condições físicas e psicológicas para tal. Como assim? Bom, muitas pessoas reclamam que o procedimento é doloroso no pós operatório. Cabe a você saber se vai "aguentar"! Infelizmente, a corrente russa, apenas vai ajudar a tonificar sua musculatura, que as vezes devido a gravidez pode ocorrer o que chamamos de diastase (um afastamento cerca de 3cm ou mais da linha alba, local de inserção dos músculos abdominais, OE, OI e reto abdominal). Sugiro que vc faça tratamentos p/ tentar recompor o colágeno, cosméticos que possam estimular a sustentação e uma ótima pedida seria após o terceiro mês voce iniciar sessões de carboxiterapia ou radiofrequencia, o que a ajudaria a recuperar a elasticidade e diminuição da camada adiposa ("barriguinha") que surgem após o parto. Não deixe de fazer atividades físicas. Sei que é difícil conciliar o bebê, marido e seus cuidados pessoais. Tenha compromisso com sua família, mas também com você, certo?
Tenho uma matéria no blog que vc não pode deixar de ler. Retrata mto bem esse belo momento que está vivendo.
Aproveite para amamentar seu bebê e dar muito amor a ele. Aos poucos você vai recuperando a boa forma. Sucesso no tratamento. Qualquer dúvida fique a vontade. Se demorar a responder... Tenha paciência! Estou de viagem programada e não sei se terei acesso a internet.

Parabéns pelo bebê!
Com atenção,
Ana Flávia Oliveira

Anônimo disse...

OLÁ!DESCOBRI QUE ESTAVA GRÁVIDA NO ÚLTIMO DIA 04/02,ESTOU COM MAIS OU MENOS 8 SEMANAS DE GRAVIDEZ,SENDO QUE DURANTE ESTE PERÍODO QUE EU NÃO SABIA DA GRAVIDEZ(NO MÊS DE DEZEMBRO/JANEIRO),FIZ 4 SESSÕES DE CORRENTE RUSSA E AUSTRALIANA,SÓ VOU INICIAR MEU PRÉ-NATAL NO MÊS DE MARÇO E ESTOU MUITO PREOCUPADA,SERÁ QUE PODE TER FEITO ALGUM MAL AO EMBRIÃO?QUAIS OS DANOS QUE ESTES TRATAMENTOS PODEM GERAR AO EMBRIÃO?ME AJUDE!!OBRIGADA!!

Anônimo disse...

Boa tarde, Ana!
Eu estou fazendo um tratamento estético chamado heccus, é como se fosse um ultrassom. Mas agora decidi engravidar e acabei fazendo um sessão de heccus. Se eu estiver grávida, o que pode acontecer com o feto?

Ana Flávia Oliveira on 11 de fevereiro de 2011 18:03 disse...

Conheço o Heccus.
Como foi uma única sessão não haverá problemas. Portanto, não insista no tratamento, ok?

Ana Flávia Oliveira on 11 de fevereiro de 2011 18:12 disse...

Olá!
A corrente russa atua a nível muscular, somente. Porém é necessário ter cautela com o procedimento no período gestacional. Por isso não recomendamos tratamentos com correntes neste período. Prefira hidroginástica, yoga ou pilates. E dê prefência por profissionais habilitados a trabalhar com gestantes.
Espero ter ajudado.

Anônimo disse...

Ola Dra, ql seria o problema da endermo no pos parto? nem na gestação vc indica modo pulsado para drenagem ganglionar? Fiz curso com a Regina Rossetti e ela indica mto a tecnica.. gostaria de saber sua opiniao...abraços
SAMILLA de www.saudedapele.blogspot.com

Anônimo disse...

Bom dia Dr fLavia, estou super preocupada, espero q vc me ajude a me responder , acabei de saber q estou gravida, e fiz duas sessoes de mesoterapia,photo roller e dermo photo, fiz nesta semana e na semana passada, gostaria de sabe se isso pode prejudicar o embriao. muito obrigada

Anônimo disse...

Olá Drª, eu e meu esposo estamos tentando engravidar, neste mês tivemos relação em meu dia fértil, gostaria de saber se eu estiver grávida de apenas alguns dias, por exemplo, 5 ou 10 dias, terá problema de fazer progressiva? Não sei se estou relamente grávida, mas temo prejucar, pois já perdi um bebê no ano passado e não quero fazer nada que possa atrapalhar. aguardo resposta.

Anônimo disse...

Oi Dr° Eusou depiladora em uma clinica de Fotodepilação de Luz Intensa Pulsada(IPL),estou gravida de 8 semanas,sera tenho que parar de fazer as depilações nos clientes? Sera que atinge meu bebe?

Muito Obrigada
bjs

Ana Flávia Oliveira on 3 de julho de 2011 17:11 disse...

Olá!
Procure seu ginecologista para saber a opinião dele.
Mas, o laser não atingirá o feto. Conheço algumas dermatologistas que continuaram a aplicar o procedimento, mesmo gestantes.

Luanna Mousinho de Sá disse...

Bom dia Dra Flavia, gostaria de saber se faz mal usar cremes antiidade, cremes no rosto, e anticelulite pois estou amamentando ha dois meses..estou super flácida, e com muita celulite, me sentindo super feia sabe;então estou com muita duvida sobre o que posso ou não usar!!se puder me ajudar lhe agradeço!!agurado resposta!

Anônimo disse...

Bom dia!

Fiz uma sessão de carboxiterapia e não sabia que estava grávida. Estava com aproximadamente 2 semanas de gestação. Poderá ser prejudicial ao feto?

Anônimo disse...

Oi Ana
moro muito loge de vc . tive bebe a pouco tempo
3mese se posso fazer um tratamento de carboxiterapia para reduzir as estrias
estou amentando. Jessika Gonçalves

Anônimo disse...

Boa tarde Ana Flavia.

eu gostaria de saber se o tratamento de carboxiterapia faz mal durante o periodo de amamentação? ou eu posso fazer esse tratamento sem receio de prejudicar minha bebe.

Anônimo disse...

Boa tarde,eu estou gravida de 10 semanas e estava fazendo sessão de carbox e endermoterapia desde a primeira semana,será que o feto foi prejudicado.Por favor me tire esta duvida porque só tenho consulta com minha ginecologista dia 09/02.Muito obrigada

Anônimo disse...

e se tiver feito depilacao a laser na virilha e na barriga com 2 semanas de gestacao, isso pode acarretar o que ao feto, alguma doenca.....

Anônimo disse...

Estava fazendo tratamento para perde peso lipoclasia nao aspirativa e corrente russa. Quais sao os malificios que podem causar no feto?

Anônimo disse...

oi estava com suspeita de estar gravida, sem certeza fiz o procedimento da manta termica fiquei por 30 min depois q falei a esteticista e ela suspendeu os procedimento. agora tenho certeza q estou gravida. Sera q vai atinge o bebe?

Anônimo disse...

Oii
Ana , meu nome e Thalita , estou de resguarda ainda , mas gostaria de começar sessões de carboxiterapia assim que terminar esse período , para aliviar as estrias que apareceram com a gravidez , quero saber se faz algum mal para minha bebê , ja que estou amamentando ainda ?

Anônimo disse...

Dr, sem saber que estava gravida fiz 2 vezes tratamento de lipoclasia nao aspiritiva com injecoes de soro e 4 de corrente russa. Hoje descubri que estou gravida com 7 semanas fiz ultra e descobri que estou com descolamento na placenta. Sera que foi devida a isso?Pode causar ma formacao no feto? Por favor me responda. Obrigada.

Anônimo disse...

Minha bebe tem 9 meses e ainda amamento posso fazer progressiva?

SABRINA disse...

Sou SABRINA
Boa noite Dr Ana,fiz uma lipo ESCULTURA tem 21 dias,e o meu cirurgião pediu exame de sangue antes de fazer a lipo.Pediu uma bateria de exame inclusive beta HCG e deu negativo.
Fiz dia 28-02 e era p descer dia 1 -03 e n desceu
fiz o exame hj e deu positivo ja estava gravida qnd fiz a lipo e n deu no resultado e peguei anemia profunda,corro algun risco de vida?

Bianca on 30 de abril de 2012 20:06 disse...

ana eu estou no inicio da gravidez com 4 semanas o bico do meu peito estar rachando chega a sangrar de vez em quando e normal?

Augusta on 9 de maio de 2012 14:42 disse...

Olá!!!Estou com 20dias de pós parto cesarea e quero fazer uma escova progressiva e segundo a cabelereira ela faz a escova com outro produto que substitui o formol, o que vc acha?

Ana Flávia Oliveira Leal on 9 de maio de 2012 17:56 disse...

Augusta, sinceramente, eu ficaria muito atenta. Fiquei sabendo esses dias que um salão daqui de Anápolis onde eu era cliente que eles usavam as embalagens vazias de produtos como Senscience por exemplo, e dentro a dona colocava produtos bem baratinhos para terem lucro, isso sem contar o uso indiscriminado de formol. Por isso, cuidado.

Ana Flávia Oliveira Leal on 9 de maio de 2012 17:58 disse...

Bianca o clima seco pode levar a rachaduras também. Procure hidratar. Banhos de sol pela manhã antes das 10h ou no final da tarde após as 16h. Se não resolver durante uma semana procure seu médico, ok?!

Jéssica on 21 de maio de 2012 12:04 disse...

olá Boa tarde!

Fiz uma sessão de carboxiterapia e não sabia que estava grávida. Estava com aproximadamente 2 semanas de gestação. Poderá ser prejudicial ao feto?

Anônimo disse...

ola boa noite, meu bebe tem 1 mes e meio, meus seios racharam, e já cicatrizaram, zero de dor , isso duas semanas atras, só que está ardente sensação de assado de novo , oq devo fazer.

Ana Flávia Oliveira Leal on 23 de maio de 2012 20:29 disse...

Oi Jéssica, o mais importante é vc iniciar seu pré natal o mais precoce possível, certo? A carboxiterapia não será prejudicial por ser um gás atóxico e por não ter ação sistemica. Porém contra indicado na gestação.
Parabéns pelo bebe! Que ele venha com muita saúde e muitas virtudes!!!

Ana Flávia Oliveira Leal on 23 de maio de 2012 21:24 disse...

Olá. Vc está conseguindo amamentar? Vc deve dar atenção à "pegada" do bebe. Aqui na Santa Casa as enfermeiras ensinam direitinho a maneira certa de amamentar. A boquinha do nenem deve encaixar em toda aréola, p/ fazer a melhor ordenha possível. Pelas informações, pode até ser mastite. O mais indicado é procurar seu médico. Uma consulta poderá indicar a melhor terapeutica p/ vc. MAs, uma "receita caseira" que aprendi com um ginecologista antiiiigo qdo rodei na cadeira de ginecologia e obstetrícia é passar o próprio leite ao redor da aréola e tomar sol por alguns minutos, desde que seja antes das 10h ou após as 16h. Se realmente melhora eu não posso afirmar. Porém ele é um médico com muitos anos de experiencia...

Anônimo disse...

Olá Dra.
Poderia me ajudar,dei de presente uma cadeirinha infantil dessas que vibram.... e agora vieram me falar que faz mal para a saúde do bebê. Como posso saber se isso tem fundamento ou não... POde me ajudar, por favor! Desde já , grata.
Rio de janeiro

Ana Flávia Oliveira Leal on 27 de maio de 2012 16:52 disse...

Olá. Eu não conheço essa cadeirinha vibratória. Verei se algum pediatra lá do hospital conheçe e se conheçerem peço a opinião deles e faço um mini post no blog, tá bom?
Bjs

Maysa on 31 de maio de 2012 17:40 disse...

Oi Ana , estou gravida de 31 semanas e pintei o meu cabelo, sera que meu filho nascera com algum problema ?

Desde já agradeço um abraço .

Anônimo disse...

Que tipo de creme posso usar junto com a cinta termica para acelerar a queima de gordura?

Anônimo disse...

Olá! gostaria de saber se realmente o uso de acido glicolico é indicado durante a gestação... Estou com 21 semanas e indicaram um serum que em sua composição contém 20% de acido glicolico e 3% de ácido dipalmitato... Pesquisei sobre na internet e algusn artigos dizem que é indicado e outros que não!...Fiquei confusa!!
Grata,
Andrea

Anônimo disse...

ola tenho uma grande duvida se puder me responder eu agradeço.É que trabalho como cabeleireira autonoma e estou gravida e trabalho com varias quimicas,posso continuar se uasr mascara e luvas, obrigada pela atençao.

Anônimo disse...

posso fazer manta termica ? estou gravida de 5 meses, obrigada.

Anônimo disse...

Gabriella de SP.
Não consigo dormir, choro o dia todo, fui em um salão fiz escova definitiva com X Tenso da Loreal e meu cabelo caiu muito e houve corte quimico meu cabelo ficou horrivel mas o problema agora não é o cabelo e sim o bebê que descobri que estou de 16 semanas e não imaginava estar grávida, me ajude pelo amor de Deus alguém sabe de alguém que usou quimica no cabelo e o bebê nasceu com problema???? Estou desesperada....

Anônimo disse...

Bom Dia! Estava Gravida de 6 semanas e infelizmente tive um aborto espontaneo. Eu faço depilação a Laser e durante o periodo eu parei com a sessões, já fazem 26 dias que perdi o bebê.Já posso a voltar fazer as sessões? Desde já agradeço.

Ana Flávia Oliveira on 19 de julho de 2012 07:32 disse...

Sinto muito por você e por seu bebê.
Mas, vc pode sim retornar ao tratamento de depilação a laser. Desde que não tenha tomado sol recente e que tenha utilizado somente a lâmina p/ depilar-se no último mês. Isso vai garantir melhores resultados.
Um abraço e que em breve você possa nos escrever dando a boa nova de uma abençoada gestação.
Abraços

Ana Flávia Oliveira on 19 de julho de 2012 07:34 disse...

Gabriella, tente se acalmar e procure p/ ontem um ginecologista e obstetra da sua confiança.
Um abraço e mande notícias...

Ana Flávia Oliveira on 19 de julho de 2012 07:37 disse...

ATENÇÃO! Você, grávida de 5 meses e quer fazer manta térmica? Sinceramente, não vejo sentido em fazer. A manta térmica causa somente uma vasodilatação periférica, o que facilita a absorção de algumas substâncias na pele. EU RECOMENDO: que não faça e que tenha cuidado com as substâncias que usa na pele. Fique longe dos ác retinóicos e seus derivados.

Anônimo disse...

Ola..fiz mesoterapia e estava amamentando fará mal para o bebe?

Anônimo disse...

Oi ana,td bem? Tive nenem a 40dias e estou amamentando, gostaria de saber se posso fazer carboxiterapia? e q queria fazer o quanto antes.. mas nao sei se posso. Agradeco. espero resposta.

Anônimo disse...

por favor tire minha duvida sou cabilheireira sera posso trabalhar com quimicas nas minhas clientes? trabalho com luvas e mascara mesmo acim vai me fazer mal? meu nome e A C T F FORTALEZA CE

Anônimo disse...

ola, estou de dez semanas sera q posso realizar o heccus apenas em região de quadril e coxa?obrigada!fico no agaurdo

Anônimo disse...

Olá! Estava fazendo sessões de drenagem linfática manual (inclusive no abdomem) e descobri que estou grávida. Posso ter prejudicado meu bebê de alguma maneira? Muito obrigada! Um abraço!

Anônimo disse...

Olá Drª Flávia,gostaria de saber qual creme de tirar mancha de pele posso usar sendo que estou amamentando a 09 meses?meu rosto está muito manchado e está baixando minha auto estima.Obrigada.



Anônimo disse...

Fazer crioterapia e amamentar, faz mal ao bebé?

Aguardo resposta urgente

maria costa disse...

Boa tarde,

Estou a fazer sessoes diárias de fisioterapia desde ha cerca de um mês no tendão recto anterior que liga à espinha ilíaca, portanto apanha a virilha e um pouco da barriga. Os tratamentos que faço são: ultrassom, massagem com voltaren e laser. Entretanto estou com atraso de menstruação e posso estar grávida. Vou fazer o teste amanha. No caso de estar, acha que há algum problema pelo facto de ter feito estes tratamentos directamente na barriga e durante todo este tempo?
Muito obrigada antecipado pela sua atenção.

jaqueline disse...

ola dr. Estou amamentando exclusivamente no peito, gostaria d saber se existe alg creme anti idade q posso usar (nome)? A dermato me indicou fisiogel, mas qual? Existem tantos tipos d fisiogel, ja q minha pele ficou bem ressecada dpois do parto, mas queria um q ficasse com a pele bem bonita e esticada, tenho 26 anos. obrigada.

Barbara Kristiane on 5 de outubro de 2012 08:46 disse...

Ola Dr Ana Flavia...Meu bebê esta com 1 mês fiquei com um pouco de estrias abaixo do umbigo,elas são vermelhas,gostaria de saber se já posso fazer carboxiterapia, e se realmente da resultado?
Espero resposta,desde já agradeço...
ABRAÇOS Bárbara...

Anônimo disse...

Olá, Ana, estou no puerpério (1 mês de pós-parto) e com muitas estrias roxas em volta do umbigo. Posso fazer sessões de carboxiterapia? Essas estrias podem sumir?
Atenciosamente,
Michelle Paiva

Anônimo disse...

Oi, fiz aplicacão de botox e acido hialuronico, com quanto tempo eu posso engravidar, sem trazer riscos ao feto?

Aline disse...

Oi Ana Flávia, me ajuda a tirar uma dúvida, na verdade estou desesperada... fiz um peeling químico ontem e quero engravidar no próximo mês(já estou programando a gravidez e estou fazendo o tratamento com ácido fólico)... já li sobre umas contra-indicações... me ajuda... vc acha que tem problema de eu engravidar, em relação a formação do bebê????

Aline disse...

Oi Ana Flavia adoro seu blog... É ótimo parabéns

Me ajuda em uma dúvida , estava fazendo tratamento antiqueda com carboxiterapia e mesoterapia (8 sessões que terminaram em setembro) e também fiz dois peelins com
ácido glicólico ( o ultimo foi agora dia 13 de novembro), por causa de umas manchas que apereceram no meu rosto. A questão é que eu pretendo engravidar no final do ano. Vc pode me informar se isso pode causar algum problema ao bebê. Esto nervosa em relação a isso.

Tudo de bom pra vc, bjus.

Anônimo disse...

Fiz uma sessao de heccus na gravidez e agora?,to mega nervosa

Anônimo disse...

Dra. Ana

Bom dia.

Fiquei feliz em ler o seu blog. Quero parabenizá-la pelo gesto de dispor do tempo para esclarecer dúvidas importantíssimas para as gestantes.
Aproveitar e deixar aminha. Estou planejando engravidar, já deixei de tomar anteconcepcional há cerca de um mês, mas acredito ainda não estar grávida. Fiz duas sessões de carboxiterapia e lipocavitação, endermoterapia. Quais os efeitos que podem ocorrer?

Andréa Rodrigues (21/01/2013)

Anônimo disse...

Ola Dra. Ana
Fiquei sabendo a pouco que estou gravida de 10 semanas, estava usando um produto no rosto com retinol a 0,3%. Usei ate a nona semana. tem algum problema? Retinol é diferente de acido retinoico?
Por favor me ajude.
Grata!

Anônimo disse...

Olá Ana Flávia! Meu nome e Karen,
Minha bebe esta com 4 meses e gostaria de saber se posso fazer Carboxterapia, Manthus, Bambuterapia e massagem modeladora????

desde já agradeço..

Anônimo disse...

quem esta amamentando pode fazer carboxiterapia

Liliane Reis on 17 de março de 2013 01:15 disse...

Estou grávida e tbm fiz. .. Aconteceu algo com seu bebê? Estou tão preocupada e me sinto culpada!

Anônimo disse...

Boa tarde,eu estou gravida de 10 semanas e estava fazendo sessão de carbox e endermoterapia desde a primeira semana,será que o feto foi prejudicado.Por favor me tire esta duvida porque só tenho consulta com minha ginecologista dia 09/05.Muito obrigada

Postar um comentário

Aqui comenta quem tem a pele linda e vive de bem com a vida!

Seguidores

Total de visualizações de página

Contato

Contato
anaflaviaoliveira@gmail.com Twitter: anaflaviamed
 

BLOG da Ana Flávia Copyright © 2009 Cosmetic Girl Designed by Ipietoon | In Collaboration with FIFA
Girl Illustration Copyrighted to Dapino Colada